Sobre o Professor Celso Pereira de Sá

 

A UERJ, o Instituto de Psicologia e o Programa de Pós-graduação em Psicologia Social, PPGPS perderam essa semana um de seus professores mais eminentes. Celso Sá, professor titular dessa universidade, dedicou-se à UERJ durante trinta e nove anos, de 1977 a 2011 na ativa e nos últimos cinco anos como pesquisador visitante aposentado. Essa foi a casa de sua vida profissional. Foi nela que ele estudou e se formou em psicologia, em uma das primeiras turmas do curso (de 1967 a 1971), antes mesmo da criação do IP, e onde trabalhou até sua morte.

 

Ao longo de quase quatro décadas, sua contribuição foi marcada pelo comprometimento à UERJ, pela competência e por iniciativas de inovação de diversas naturezas, formando e influenciando gerações de estudantes, hoje profissionais competentes e/ou pesquisadores e docentes.

 

Celso Sá foi um dos 94 sócios fundadores da ASDUERJ, em 1979. Foi o primeiro Diretor eleito (a rigor, ainda uma consulta à comunidade) do então IPCS, entre 1984 e 1987; Diretor do CEH - Centro de Educação e Humanidades, entre 1988 e 1991, na gestão de Ivo Barbieri e João Reggazzi; e Vice-Reitor, na gestão de Nilcéa Freire, entre 2000 e 2003.  Participou do desmembramento do IPCS nos atuais Instituto de Psicologia e Faculdade de Comunicação Social; da instituição da COPAD; da implantação do sistema de cotas para candidatos negros e oriundos da escola pública na UERJ.  Foi ele o idealizador e a liderança na criação do Curso de Mestrado em Psicologia e Práticas Socioculturais no IP, hoje PPGPS, que também coordenou.

 

Mesmo com toda essa atividade institucional, Celso Sá destacou-se como docente e pesquisador. Como docente, ensinou, orientou e inspirou gerações de estudantes, que se tornavam seus amigos, filhos acadêmicos, afilhados de casamento. Como pesquisador, deixa uma contribuição reconhecida internacionalmente e que merece destaque, registrada em inúmeros artigos e livros, o último deles recém lançado. Foi, principalmente, um teórico, do behaviorismo radical, do estudo das representações sociais e da memória social, e um metodólogo. Seu livro, A construção do objeto de pesquisa em representações sociais, da EDUERJ, é uma referência para estudantes e pesquisadores.

 

Sua obra é vasta e impossível fazer justiça a ela aqui. Seu currículo justifica ter sido um pesquisador nível 1 do CNPq, Cientista do Nosso Estado da FAPERJ e ter sido tendo sido agraciado, em 2010, com a Medalha FAPERJ 30 Anos.

 

Cabe, finalmente, falar de sua pessoa. Celso Sá amava a vida, gostava de se divertir e da companhia de amigos. Era doce e gentil, um cavalheiro que sempre prestigiava e homenageava as mulheres. Sua generosidade também é reconhecida por muitos, alunos, colegas e amigos, entre os quais me sinto privilegiada e grata por estar incluída. Celso também soube amar e ser amado, uma importante virtude, e sua esposa, Professora Denize Oliveira foi também uma de suas parceiras acadêmicas. Sua falta será sentida, Celso Pereira de Sá.

 

 

PROFH

 

 

HORÁRIO DE DISCIPLINAS 2016/1 - ATUALIZADO

 

 

 

BOLSA

 

CLASSIFICAÇÃO PARA BOLSAS

TURMAS 2016

 

MESTRADO

DOUTORADO

*Critérios de desempate conforme Edital

 

 

 

pPGPS

UERJ

 

 

 

INSCRIÇÕES EM DISCIPLINAS PARA ALUNOS DO PPGPS E PARA ALUNOS DE OUTROS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO

De 13 a 19 / 01 /2016

MATRÍCULA E INSCRIÇÕES EM DISCIPLINAS PARA ALUNOS NOVOS (ALUNOS INGRESSANDO NO PROGRAMA EM 2016)

De 15 a 19/02/2016

INÍCIO DAS AULAS

29/ 02 /2016

ALTERAÇÃO DE INSCRIÇÃO EM DISCIPLINAS (INCLUSÃO E CANCELAMENTO DE DISCIPLINAS)

De 29/02 a 07/ 03/2016

TÉRMINO DAS AULAS

24/ 06 /2016

ENTREGA DE TRABALHO

Até 22 / 07/2016

LANÇAMENTO DE CONCEITO E NOTA

Até 22 / 08 /2016

BANCA DE DEFESA DE TESE E/OU DISSERTAÇÃO

É NECESSÁRIA APROVAÇÃO EM REUNIÃO DE COLEGIADO NO MÍNIMO 30 DIAS ANTES DA DEFESA

Calendário de Defesas

Defesa de Doutorado (turma 2012)

Até 29/ 02 / 2016

PRORROGAÇÃO ATÉ 31/03/2016

Projeto de Mestrado (turma 2015)

Até 30/ 04/ 2016

Defesa de Mestrado (turma 2014)

Até 29 / 02 / 2016

PRORROGAÇÃO ATÉ 31/03/2016

Qualificação de Doutorado (turma 2014)

Até 30 / 04 / 2016

ATENÇÃO! ALUNOS QUE OBTIVERAM BOLSA PDSE NÃO PODEM PRORROGAR A DEFESA!

 

Exigências curriculares

 

Nível

Disciplinas

Créditos

MESTRADO

3 Disciplinas Eletivas

1 disciplina obrigatória (Metodologia de Pesquisa)

12

4 Práticas de Pesquisa

12

Total

24

 

DOUTORADO

6 Disciplinas Eletivas

1 disciplina obrigatória (Metodologia de Pesquisa)

21

8 Práticas de Pesquisa

24

Total

45

 

Sugestão de fluxograma para os alunos do PPGPS:

 

MESTRADO

DOUTORADO

1º semestre: 2 disciplinas, Prática I

 

2º semestre: 2 disciplinas, Prática II (projeto)

 

3º semestre: Prática III (dissertação)

 

4º semestre: Prática IV (dissertação)

5º semestre: Inscrição em Elaboração de Dissertação

1º semestre: 2 disciplinas, Prática I

2º semestre: 2 disciplinas, Prática II

3º semestre: 2 disciplinas, Prática III

4º semestre: 1 disciplina, Prática IV (projeto)

5º semestre: Prática V (tese)

6º semestre: Prática VI (tese)

7º semestre: Prática VII (tese)

8º semestre: Prática VIII (tese)

9º semestre: Inscrição em Elaboração de Tese

 

PRÁTICA DE PESQUISA – CÓDIGOS

 

PSI 02972 Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino I

MESTRADO

PSI 02973 Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino II

PSI 02974 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino III

PSI 02975 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino IV

PSI 00702 - Elaboração de Dissertação

PSI 02972 Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino I

DOUTORADO

PSI 02973 Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino II

PSI 02974 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino III

PSI 02975 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino IV

PSI 02803 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino V

PSI 02804 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino VI

PSI 02805 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino VII

PSI 02806 - Prática de Pesquisa, Análise Teórica e Ensino VIII

PSI 00802 – Elaboração de Tese

 

 

LINHAS DE PESQUISA

 

ÊLinha 1

Processos Sociocognitivos e Psicossociais

 

Diferentes perspectivas teóricas no estudo psicossocial dos processos cognitivos: a cognição social stricto sensu, as representações sociais, a cognição situada. Os processos cognitivos em diferentes dimensões e contextos: a imbricação entre cognição e cultura, o desenvolvimento sociocognitivo segundo uma perspectiva sociocultural, a análise psicossocial da memória coletiva ou social, as relações entre a cognição e outros processos psicossociais na construção das realidades grupais e organizacionais e no desenvolvimento de habilidades de interação social.

 

Professores: Angela Josefina Donato Oliva, Deise Maria Leal Fernandes Mendes,Denize Cristina de Oliveira, Eliane Mary de Oliveira Falcone, Marcia Maria Peruzzi Elia da Mota, Maria Lucia Seidl de Moura, Rafael Moura Coelho Pecly Wolter e Ricardo Vieiralves de Castro.

 

Pesquisador visitante: Celso Pereira de Sá

 

ÊLinha 2

Contemporaneidade e Processos de Subjetivação

 

Estudo das dinâmicas urbanas contemporâneas - políticas, sociais, culturais, comunicacionais - e das múltiplas formas pelas quais processos de subjetivação ganham consistência em instituições como o trabalho, a educação, a saúde e a justiça.

 

Professores: Anna Paula Uziel, Heliana de Barros Conde Rodrigues, Leila Maria Torraca de Brito e Milton Raimundo Cidreira Athayde.

 

Professores Colaboradores: Maria Theresa da Costa Barros, Amana Rocha Mattos e Jorge Coelho Soares.

 

Pesquisadora visitante: Regina Glória Nunes

 

ÊLinha 3

História, Imaginário Social, Cultura

 

Estudo das diferentes formas pelas quais o saber se constitui na ordem social e se articula historicamente ao imaginário por meio de práticas culturais determinadas.

 

Professores: Ana Maria Jacó-Vilela, Ana Maria Lopez Calvo de Feijoo, , Luiz Felipe Baêta Neves Flores e Ronald João Jacques Arendt.

 

Professoras Colaboradoras: Ariane Patrícia Ewald e Renata Patricia Forain de Valentim e Alexandra Cleopatre Tsallis.